Anúncio de R$ 200 milhões não contempla o Alto Vale

18 Junho 2019 09:04:00

Questionado sobre investimentos em pacote de obras, Governo diz que anúncio para o Alto Vale ainda será feito

Municípios do Alto Vale esperam há anos algumas obras, como é o caso de Mirim Doce, que precisa da revitalização da SC-425. Foto: Edilaine Vaes


Municípios do Alto Vale esperam há anos algumas obras, como é o caso de Mirim Doce, que precisa da revitalização da SC-425. Foto: Edilaine Vaes

O Alto Vale do Itajaí, assim como o Vale, não foram contemplados no projeto anunciado na última semana pelo governador Carlos Moisés da Silva, que prevê investimentos de cerca de R$ 200 milhões para cinco regiões de Santa Catarina. O projeto, chamado de "Novos Rumos - Santa Catarina em Movimento", inclui seis obras estratégicas para acelerar o desenvolvimento da Grande Florianópolis, Oeste, Meio-Oeste, Sul e Norte de Santa Catarina.

No Alto Vale o anúncio desapontou lideranças que aguardavam recursos para obras importantes como é o caso de Mirim Doce, que aguarda desde 2011 a revitalização da SC-425, que dá acesso ao município. "Não há novidades. Só soubemos de comentários através da Amavi de que teve uma reunião, mas queriam liberar R$ 10 milhões para todo o Alto Vale para a recuperação de rodovias. Mas só a nossa aqui de Mirim Doce já é R$ 9,5 milhões. Mas pelo que soube também a comissão não vai aceitar. É um dinheiro que não vai solucionar os problemas de toda região", completou o prefeito Sergio Luiz Paisan.

Paisan também comentou que da maneira em que está a rodovia, não teria condições de assumir os cuidados com a SC-425 conforme uma tentativa de acordo do governo. "Os outros municípios também não querem pegar uma obra estadual para estarem mantendo, o município fica responsável até pelos acidentes que acontecerem. Ou manda recuperar tudo e manter tudo, nem que seja com empresa terceirizada ou nem manda", completou ele. 

Presidente Getúlio é outra cidade da região que aguarda o pagamento do Estado, para o trecho da ligação com Rio do Sul que já foi realizado, e também novos recursos para concluir a ligação. De acordo com o prefeito, Nelson Virtuoso, os esforços para conseguir os mais de R$ 4 milhões que o Estado deve, estão sendo feitos com ajuda de deputados da região. "A nossa luta é para que o Estado pague os atrasados. O deputado Jerry Comper está conversando com o Douglas Borba, da Casa Civil, para eles pagarem os valores atrasados para o Município. A obra foi realizada e eles não pagaram. O Governo sinalizou a intenção de pagar os atrasados que somente aqui em Presidente Getúlio, já passam de R$ 4 milhões". Ele contou também, que o restante da ligação com Rio do Sul já está licitado, mas faltam recursos para dar início à obra. "Estou encaminhando o projeto de licitação que nós temos da Serra, para ver se eles também nos pagam. Estamos eu e o Thomé empenhados para resolver isso e trabalhando junto dos deputados e também com o coronel Carlos Hassler. Talvez na próxima semana iremos à Florianópolis numa reunião agendada na Casa Civil para definir o pagamento dos atrasados e definir se eles poderão nos ajudar a concluir as serras de Presidente Getúlio e Rio do Sul. Todas as duas obras estão licitadas, mas dependemos do dinheiro para poder iniciar".

Governador diz que novos anúncios serão feitos

Representantes do Alto Vale participaram nesta segunda-feira (17), da reunião do Fórum Parlamentar Catarinense no auditório da Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí (Amfri), com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas. De acordo com o secretário Executivo da Associação dos Municípios do Alto Vale do Itajaí (Amavi), Paulo Roberto Tschumi, o Beto, o foco da reunião era discutir sobre a BR-470, no entanto, no encontro, o governador Moisés justificou sobre o projeto anunciado para as cinco regiões e disse que há obras mapeadas que serão lançadas em breve pelo Governo do Estado além dessas cinco regiões, incluindo um novo anúncio para o Vale. "Ele comentou que neste primeiro momento o investimento que ele colocou para as cinco regiões não abrangeria o Vale, mas em breve será feito um projeto e uma ação para que todo o Vale seja contemplado com essas obras de recuperação".

Sobre a BR-470, Beto disse que o ministro fez a vistoria da rodovia e inaugurou um trecho de cinco quilômetros. "Ele disse para todas as lideranças do Médio Vale, que abrange a região da Amavi, de Blumenau e Itajaí, que a prioridade "número 1" do Ministério da Infraestrutura será a BR-470. Ele vai tentar aportar recursos para fazer a duplicação e depois a restauração e concessão do outro trecho até a nossa região".

Quanto ao tempo para execução, Beto disse que ainda não é possível saber, mas que sentiu confiança nas propostas de Freitas. "Isso é um o processo que está sendo construído, já está sendo feito e vai se continuar aportando recursos para a rodovia. A reunião foi muito boa e acredito que nós vamos progredir com as obras da BR-470".

A Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado da Casa Civil, informou à redação do DAV que o projeto Novos Rumos é contínuo e que esta é só a primeira etapa. "O governador está conhecendo as demandas da região para avaliar quais são as obras prioritárias. Neste momento não tem nenhuma obra para o Vale e Alto Vale do Itajaí, no entanto, é um projeto que já tem análise para novas obras".

Elisiane Maciel

Imagens

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

 





PUBLICIDADE

O JATV.com.br é um portal de informação 24 horas por dia e 365 dias por ano no ar. Presentes nas redes sociais, somos compatíveis com todos os dispositivos que dispoem de acesso à internet.

Endereço: Rua 29 de Dezembro, 643 - Sala 03 - Centro, Rio do Campo - SC, 89198-000
Telefone: (47) 3564-0318 | Email: contato@jatv.com.br

|