Santa Catarina

'Presos justiceiros' que torturavam estupradores são condenados em SC

Eles agiam 'conforme a ética do cárcere', segundo o TJ-SC

Um grupo de presos foi condenado por agirem como "justiceiros" dentro de um presídio no Alto Vale do Itajaí. Conforme o TJ-SC (Tribunal de Justiça de Santa Catarina), eles torturavam outros detentos, condenados por estupro, "conforme a ética do cárcere".

A decisão foi da 5ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça, em apelação sob a relatoria da desembargadora Cinthia Beatriz Bittencourt Schaefer.

Ainda segundo o TJ-SC, quatro homens foram condenados por causar "sofrimento físico e mental" a dois companheiros de cela, com tapas, socos, chutes, imposição para que se ajoelhassem sobre grampos de roupas e ateassem fogo nos pés.

Eles também sufocavam os colegas com saco de plástico e os afogavam dentro da privada.

Uma das vítimas tinha 77 anos na época dos crimes dentro do cárcere - registrados entre os meses de janeiro e fevereiro de 2013.

Segundo informações do Poder Judiciário de Santa Catarina, em apelação, os réus buscaram absolvição por falta de provas ou mesmo a desclassificação dos delitos cometidos.

Os réus tiveram, originalmente, penas individuais que variaram entre cinco e dois anos e oito meses; e dois anos e quatro meses de reclusão.

Apenas um deles, inicialmente condenado a cinco anos de prisão, obteve benefício atenuante por ter apenas 21 anos na época. Ele teve sua condenação reduzida para quatro anos e quatro meses de reclusão.

REDAÇÃO ND, FLORIANÓPOLIS

Imagens

 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

 




PUBLICIDADE

O JATV.com.br é um portal de informação 24 horas por dia e 365 dias por ano no ar. Presentes nas redes sociais, somos compatíveis com todos os dispositivos que dispoem de acesso à internet.

Endereço: Rua 29 de Dezembro, 643 - Sala 03 - Centro, Rio do Campo - SC, 89198-000
Telefone: (47) 3564-0318 | Email: contato@jatv.com.br

|